ACOMPANHE AS NOVIDADES

Últimas Notícias

Sexta, 31 de Maio de 2019

Câmara instala Frente Parlamentar para defender a Educação

A Câmara Municipal de Natal lançou, nesta sexta-feira (31), a Frente Parlamentar em Defesa da Educação Pública, que é coordenada pela vereadora Eleika Bezerra (PSL). Participaram do encontro profissionais da educação, pesquisadores e representantes das secretarias de Educação do Estado e Município, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas do Rio Grande (FCDL).

"Nosso desafio é não só debater e discutir este tema, mas garantir que a educação de qualidade seja ofertada para todo mundo. Não seremos uma nação enquanto não oferecermos educação para todos. Precisamos resgatar o respeito, que é fundamental, estimular nos alunos o prazer de ir à escola", disse a vereadora. A Frente Parlamentar vai se reunir periodicamente, impulsionada por temas correlacionados.

Na solenidade, a educadora Cláudia Santa Rosa, membro do Instituto de Desenvolvimento da Educação (IDE), apresentou um histórico da luta por educação de qualidade no país, com dados de aprovação e evasão dos alunos em cada série, destacando a importância da Câmara implantar uma frente com esse objetivo. "É importante garantir esse espaço numa Casa Legislativa porque o desafio de oferecer um ensino de qualidade continua. Precisamos melhorar os índices da educação básica (IDEB), garantir o financiamento da educação, o Fundeb. São muitos temas ligados à educação e que a Frente poderá dar sua contribuição e definir encaminhamentos", prevê Santa Rosa.

Sírlia Bezerra, da Secretaria Municipal de Educação de Natal, relembrou que, após 87 anos do manifesto pioneiro pela educação pública, gratuita e laica, os problemas continuam sendo os mesmos. "Significa que ainda não conseguimos alcançar o que se pretendia há mais de oito décadas e que só piora com as políticas de inclusão e de investimentos reduzidas. As reivindicações são as mesmas e precisamos de movimentos assim", destacou. 

Neste sentido, ela, bem como a secretária adjunta da Educação do Estado (SEEC-RN), Márcia Gurgel, reconheceu a contribuição que a Frente deverá trazer. "A formação dessa frente com a perspectiva de reunir diferentes agentes para contribuir com soluções para os problemas vai ajudar a articular a sociedade", sugere Márcia. O próximo encontro da Frente está marcado para o dia 22 de agosto.

Texto: Cláudio Oliveira

Fotos: Marcelo Barroso


Deixe seu Comentário