ACOMPANHE AS NOVIDADES

Últimas Notícias

Terça, 19 de Dezembro de 2017

Professora Eleika recebe homenagem pelo seu esposo, Fernando Guerreiro

Em sessão solene realizada em alusão ao Dia do Engenheiro e do Arquiteto, a vereadora Professora Eleika recebeu a homenagem oferecida pelo vereador Sueldo Medeiros em nome do seu esposo, o engenheiro Fernando Romano Guerreiro, falecido em janeiro de 2015.

Emocionada, Professora Eleika agradeceu ao reconhecimento dado ao esposo. “Fernando sempre foi muito determinado e, com essa garra que ele tinha, conseguiu conquistar os seus objetivos e se tornar um engenheiro renomado. Fez especialização nos Estados Unidos, se tornou professor universitário e foi um dos responsáveis por introduzir aqui no Estado o Controle de Qualidade de Concreto. Como esposa e mãe dos nossos quatros filhos, fico muito honrada em receber esta homenagem em nome dele”, pontua.

BIOGRAFIA

Fernando Romano Guerreiro nasceu em Natal/RN, em 08 de fevereiro de 1939, sendo seus pais Maria de Lourdes Romano Guerreiro e Waldemar Tavares Guerreiro. Sempre aluno de escola pública, Fernando conciliou seus estudos com o basquetebol, esporte que lhe transmitiu valores que transcenderam as quadras, como disciplina, determinação e garra para alcançar os seus objetivos.

Graduou-se em 1965 como Engenheiro Civil pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) e, dias após sua formatura, foi residir no Colorado/EUA com sua recém-esposa, Professora Eleika, para fazer curso de Especialização em Cerâmica - Materiais de Construção, na prestigiada Colorado School of Mines. 

Na sua formação profissional, foi Professor temporário de Matemática, funcionário concursado do Banco do Nordeste, Engenheiro do Departamento de Estradas do RN e Professor da UFRN na disciplina de Materiais de Construção para os cursos de Engenharia Civil e Arquitetura. Dando continuidade à especialização que fez nos Estados Unidos, criou sua consultoria de controle de qualidade de concreto (CONSULTEST), sendo um dos pioneiros - junto com o seu Professor Bartolomeu dos Santos - a trabalhar nesta área da construção.

Dentre as tantas obras em que trabalhou (estradas, prédios, pontes, plataformas da Petrobrás), cita-se a construção do estádio, o Porto Ilha de Areia Branca, a Ponte de Igapó, tendo também atuado em muitos outros estados como Alagoas, Maranhão e Piauí. 

Como legado além de engenheiro, deixou aos seus 4 filhos e 9 netos a marca da discrição, sobriedade, força de vontade e o exemplo de que o estudo é o mais digno e inviolável meio de se alcançar a dignidade. Hoje, 18 de dezembro de 2017, faz um ano e onze meses da sua partida.  


Deixe seu Comentário